Já aqui o dissemos uma vez e voltamos a repetir: se há coisa que cresceu em Lisboa nos últimos anos foram os cafés cool, com oferta de qualidade, wi-fi e espaço para a cada vez maior turba de freelancers com computador às costas - e que assim seja por muitos mais anos. O Escalfado, aberto desde o final de 2018 numa rua escondida de Santos (onde em tempos funcionou o restaurante Merca-Tudo), entra nesta categoria, sem cair no engodo dos pratos Instagram-friendly, mas muitas vezes sensaborões. Antes pelo contrário. Aqui privilegiam-se o sabor, a qualidade dos produtos e a diversidade das receitas. 

Escalfado
Decoração minimalista é uma das apostas créditos: Copyrighted © Sanda Vuckovic

A liderar o projeto está Ana Lopes, que viveu 10 anos em Londres, onde conheceu o marido, inglês, e que quando voltou a Lisboa sentiu necessidade de montar um espaço seu, com a mesma onda dos locais que frequentava quando trabalhava em East London. Um sítio para conhecer num daqueles pequenos-almoços tardios e sem horas, para beber um café de filtro, acompanhado de uma fatia de bolo caseira (e com free refill de café) ou para almoçar pratos de uma carta que não obedece a conceitos fechado e pode ter várias influências.

Depois de ter encontrado um espaço à medida do que pretendia, forrado a azulejos, com balcões, prateleiras e frigoríficos antigos, e de ter mantido boa parte do património encontrado, combinado com uma decoração minimalista, partiu à procura de um chefe de cozinha. Através de amigos descobriu Mariana Claro, uma cozinheira nova, que já passou pelo Dona Quitéria e pelo Pasta non Basta, e, com algumas luzes de um chefe inglês seu amigo, filho de mãe indiana e pai francês, acabaram por criar a três um menu com o seu quê de originalidade.

Escalfado
O café é um dos pontos fortes do Escalfado créditos: Copyrighted © Sanda Vuckovic

Numa onda de pequeno-almoço, há pão com chocolate (€1,50), torrada com ricota, doce de abóbora e nozes (€3,75), umas já populares panquecas de ricota, com manteiga e favo de mel, banana e xarope de ácer (€9), ovos no forno com tomate e espinafres (€8,50). Para almoços e jantares, além de um prato do dia, servem tataki de atum com salada Waldorf e espuma de iogurte e wasabi (€11), pastéis de massa tenra de camarão com arroz de marisco e anis (€12) ou um bife do lombo com molho à Escalfado, batatas fritas ou salada (€15,50).

escalfado
A carbonara não está na carta, mas é presença assídua no menu do dia créditos: Copyrighted © Sanda Vuckovic

O menu completa-se com algumas cervejas artesanais, sumos de fruta e smoothies, café de lotes selecionados a dedo e um chocolate quente (€3) que merece qualquer visita. Uma mistura inusitada de sabores, num sítio a trabalhar sem pausas até às cinco da tarde e que abre para jantares também de quinta a sábado. 

Escalfado
O já popular bolo de chocolate créditos: Copyrighted © Sanda Vuckovic

A PRIMA gosta especialmente de uma das mesas mais perto da grande janela rasgada até ao chão, ideal para montar o computador e ficar a trabalhar todo o dia. 

Rua do Merca-Tudo, 4 / 21 804 7260 / ter, qua e dom 09h-17h, qui-sáb 09h-00h 

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.